HOME

ESCRITÓRIO

EQUIPE

ATUAÇÃO DO ESCRITÓRIO

PUBLICAÇÕES

CONTATO

OUVIDORIA

Seminário Tributação Setorial: Novas Tecnologias

Seminário
Tributação setorial: novas tecnologias

Realização
Grupo de Debates Tributários

Apoio
Federação das Associações das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro)

Coordenação
Janssen Murayama e Marcus Lívio Gomes

Programação

A programação reunirá especialistas de escritórios de advocacia e de empresas que atuam no ramo para uma manhã de debates e palestras. Terão destaque os efeitos da lei 157/16, sancionada em dezembro pelo presidente Michel Temer, que altera regras do ISS e restringe a aplicação de isenções fiscais aos setores de construção civil e transporte coletivo.

8h45 – Recepção dos participantes do seminário

9h – Abertura do seminário: Raul Colcher (Assespro)

9h15 – Tema 1: O plano de ação do BEPS, a economia digital e o Brasil
Presidente de mesa: Janssen Murayama (sócio do Murayama Advogados)
Palestrante: Leonardo Homsy (Mattos Filho Advogados)

9h45 – Debates

10h – Tema 2: A Lei Complementar 157/16 e os impactos para o setor de telecomunicações
Palestrantes: Gustavo Alves e Roberta Font (TIM Brasil)

10h30 – Debates

10h45 – Coffee break

11h15 – Tema 3: Questões controvertidas na tributação de software
Presidente de mesa: Janssen Murayama (Murayama Advogados)
Palestrante: Bruno Affonso Ferreira (Murayama Advogados)

11h45 – Debates

12h – Tema 4: Conteúdos digitais e a LC 157/16
Palestrante: Eduardo Santiago (Grupo Globo)

12h30 – Debates

13h00 – Encerramento

Local
Auditório da Escola da AGU – R. Rodrigo Silva, 26 – Centro, Rio de Janeiro

Valor
Gratuito

Inscrição
antonio.wagner@agu.gov.br

Fonte: Site OAB-RJ.

Esta notícia também foi publicada por Monteiro de Castro AdvogadosPágina Negócios Jurídicos, MigalhasPortal Fator Brasil Site Márcia Peltier.

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS

Ração para cães e gatos

Ração para cães e gatos

A 5ª Turma do Centro de Classificação Fiscal de Mercadorias (Ceclam) da Receita Federal, por meio da Solução de Consulta COSIT nº 98.035/2024, decidiu que a ração para cães e gatos constituída por milho, farelo de trigo, farinha de carne, óleo, micronutrientes,...